Carl Carmoni: a lenda dos anos 70!

0
141
Carl-Carmoni

Somos da opinião que uma grande história precisa de ser contada.

Na década de 1970, na província de Quebec, Canadá, tinha começado a “febre” pelo minigolfe. Importados dos Estados Unidos, o Mini Putt abriu circuito atrás de circuito, e as pessoas apaixonaram-se pelo jogo. Não demorou muito para que o Minigolfe acabasse por virar um programa semanal na televisão, com competições, jogadores regulares e prémios em dinheiro.

Graças à animada forma como Serge Vleminckx relatava os jogos, jogadores como Carl Carmoni, Jocelyn Noël ou Gilles Bussières tornaram-se nomes famosos.

Com sua habilidade de fazer Hole-in-Ones com bastante consistência, Carmoni rapidamente se tornou no favorito dos fãs, ficando famosa a expressão “Biiiiiiiiiiiirdiiiiiiiie!” do apresentador, enquanto Carl Carmoni saltava, gritava e cerrava o punho em comemoração.

A bola rolava e o Minigolfe era uma fonte viável de rendimento para aqueles jogadores que decidiram levá-lo a sério, chegando mesmo a abondar os seus empregos por alguns anos.

Transformou-se assim um jogo simples em algo muito maior graças ao programa de TV, culminando com um acordo com a RDS, uma rede de desportos francesa que fez o nome cobrindo os prestigiosos jogos de hóquei dos Montreal Canadiens.

Carl Carmoni estava no auge do seu jogo, no entanto o Minigolfe não era um desporto com o mesmo apelo do hóquei, e o dinheiro apertado só manteve o programa televisivo no ar até meados dos anos noventa.

Carmoni viu-se assim obrigado a deixar o mundo do Minigolfe e entrar no negócio de transportes e entregas. Os seus tacos e troféus começaram a ganhar pó no seu sotão e o seu icónico bigode foi cortado.

Como o tempo passou, ele construiu um negócio sólido e respeitável, mas ele perdeu o seu precioso desporto.

No momento em que pensou que tinha acabado com o minigolfe, o minigolfe não tinha ainda acabado com ele! Anos depois de se reformar do desporto, publicou um vídeo no YouTube com alguns dos seus melhores momentos no minigolfe. A resposta dos fãs veio rapidamente com centenas de milhares de visualizações. O grito do apresentar televisivo “Birdiiiiie!” iria encontrar um novo eco na geração recente… Carl foi uma estrela novamente!

Esta é uma história fascinante e está neste momento à procura de financiamento para a realização de um documentário. Os realizadores procuram arrecadar uma verba de 10.000$ canadienses, o equivalente a cerca de 7000€, e prometem ainda levar Carl Carmoni ao Campeonato do Mundo de Mini Putt, na Carolina do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui